14 de Dezembro – Dia Nacional do Engenheiro de Pesca

A legislação prevê a necessidade de um profissional habilitado como responsável técnico para atuar nas indústrias pesqueiras.O objetivo do curso de Engenheiro de Pesca é capacitar profissionais para as funções de supervisão, planejamento, coordenação e execução de atividades integradas para o aproveitamento dos recursos naturais aquícolas, o cultivo e a exploração sustentável de recursos pesqueiros marítimos, fluviais e lacustres e sua industrialização.

A formação em Engenharia de Pesca é uma habilitação que integra a área das ciências agrárias e qualifica, em nível superior, profissionais para a intervenção técnico-científica em aquicultura, pesca e tecnologia do pescado, bem como em atividades de pesquisa e extensão na área de biotecnologia e demais serviços voltados à aquicultura e pesca, constituindo-se, desta maneira, em uma área do saber que intervém na realidade com base científica própria.

O Engenheiro de Pesca deve ser um profissional capaz de entender com clareza a dinâmica da realidade em que atua, para que possa propor efetivamente atividades que transformem o quadro atual dos produtores, industriais e pesquisadores envolvidos com atividades de pesca.

Aquicultores criam peixes, frutos do mar e rãs em tanques próprios, com fins comerciais. Há pescadores que têm sua própria embarcação e trabalham por conta própria – frequentemente organizados em cooperativas – e profissionais empregados em companhias de pesca. São classificados de acordo com o tipo de pescado que capturam, com o lugar em que atuam (alto-mar ou junto à costa), ou o método que empregam (cerco, arrasto e linha).

Com a redução dos cardumes devido à pesca predatória e a vigilância crescente das instituições de controle do meio ambiente, a pesca tende a não se expandir muito a médio prazo, ao mesmo tempo que peixes e crustáceos cultivados tendem a ocupar cada vez maior espaço no mercado. Não há dados estatísticos sobre o setor pesqueiro, mas sabe-se que há vagas em grande número nos barcos pesqueiros. As melhores perspectivas de trabalho estão no campo da aquicultura, uma atividade que, segundo o IBAMA, vem crescendo bastante em todo o país.

Fonte: CCJC / Ambiente Brasil

pesca2

Anúncios

The URI to TrackBack this entry is: https://emiliaeiko.wordpress.com/2013/12/13/14-de-dezembro-dia-nacional-do-engenheiro-de-pesca/trackback/

RSS feed for comments on this post.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: